Setor de bares e restaurantes: ATENÇÃO!

Informações sobre o prazo de adesão de pequenas empresas ao Simples Nacional
Informações sobre o prazo de adesão de pequenas empresas ao Simples Nacional
13 de janeiro de 2021
Prefeitura de São Paulo anuncia antecipação de feriados
Prefeitura de São Paulo anuncia antecipação de feriados
22 de março de 2021
Setor de bares e restaurantes: ATENÇÃO!

Tendo em vista a permanência das medidas restritivas pelas autoridades governamentais para frear o avanço da Covid-19 pelo país, que atualmente vem enfrentando a segunda onda de contágio, foram firmados Termos Aditivos às Convenções Coletivas de Trabalho de 2019/2021 entre os sindicatos SINTHORESP e SINDRESBAR, cuja vigência se estenderá até 30/06/2021 e entre o SINDFAST e SINDRESBAR, para as empresas enquadradas no piso especial, cuja vigência irá até 31/10/2021.

Referidos Termos Aditivos visam a recuperação do setor e a manutenção dos postos de trabalho, prorrogando o período de redução de jornadas e salários e suspensão contratual, bem como trazendo outras medidas aplicáveis ao setor, em razão da permanência das medidas de distanciamento social para evitar o contágio e a disseminação da Covid-19.

No que diz respeito ao Terceiro Termo Aditivo firmado pelo SINTHORESP, há a previsão de redução da jornada e salários que poderá ser praticada à razão de 25%, com a respectiva comunicação por escrito aos empregados que tiverem o seu contrato de trabalho atingido.

No caso de suspensão do contrato de trabalho, haverá a contrapartida de pagar ao empregado “Abono Indenizatório Mensal” em valor equivalente e não inferior a 50% do piso mensal aplicável à empresa, além de manter o plano de saúde médico e/ou odontológico (se houver), nas mesmas condições em que eram disponibilizados.

A garantia provisória no emprego seguirá as regras determinadas pelo Termo Aditivo, sendo que ficará assegurada a garantia ao empregado que tiver o contrato de trabalho suspenso e/ou sua jornada de trabalho e salário reduzidos, no período de vigência do Terceiro Termo Aditivo (01/01/2021 a 30/06/2021), à razão de 15 (quinze) dias para cada mês de suspensão de contratual.

Desse modo, hipoteticamente, a redução salarial ocorrida durante os meses de janeiro e fevereiro, ensejará na garantia de emprego por 30 dias, a contar do retorno do empregado para as suas funções.

Findo o prazo do presente termo aditivo (30/06/2021), deverão as jornadas de trabalho e salários dos empregados, ainda sob tal condição, serem imediatamente reestabelecidos.

Já, a respeito do Quarto Termo Aditivo firmado pelo SINDFAST, os benefícios de redução e suspensão do contrato serão aplicáveis apenas às empresas enquadradas no piso especial, conforme cláusula 21ª do referido Termo Aditivo.
Para obter a íntegra do Terceiro Termo Aditivo firmado entre SINTHORESP e SINDRESBAR, acesse:

https://sinthoresp.com.br/site/wp-content/uploads/2021/01/TERCEIRO-TERMO-ADITIVO-SINTHORESP.pdf

Para obter a íntegra do Quarto Temo Aditivo firmado entre SINDFAST e SINDRESBAR, acesse:

4º Termo Aditivo à Convenção Coletiva de Trabalho 2019/2021

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

9 + 12 =